PALAVRAS AMIGAS

Mensagens psicografadas
Ivan Jubert Guimarães


Esclarecimentos:
 


As mensagens que compõem este livro foram psicografadas, em sua maioria, em duas casas espíritas, Centro Espírita Irmão X (de 03/05/93 a 07/11/94) e GEIA – Grupo Espírita Irmãos Aztecas (de 13/02/97 a 29/03/2001)
Uma amiga me disse certa vez, que antes dessas mensagens serem para alguém, elas eram para mim mesmo. Após ela ter-me dito isso eu as reli e, aí, quase caí de espanto. Tanta coisa que aconteceu e que modificou minha vida para sempre estava escrito naquelas linhas.
Na primeira, as mensagens foram escritas durante exercícios práticos realizados em aulas do Curso de Desenvolvimento Mediúnico, sempre às segundas-feiras.
Na segunda, durante os trabalhos espíritas realizados sempre às quintas feiras. Outras poucas mensagens foram psicografadas em minha residência. Nenhuma das mensagens foi assinada por este ou aquele espírito.
Durante muito tempo, tive dúvidas sobre a autenticidade das mensagens.
Entretanto, os dirigentes das casas onde foram escritas as mensagens e outros estudiosos, sempre me disseram que isso não deveria ser motivo de preocupação, uma vez que a única coisa que eu deveria fazer era analisar a mensagem.



15/03/2001



Houve um período entre 1994 e 1997 em que havia parado de freqüentar casas espíritas. Nesse intervalo houve apenas uma mensagem falando de Regressão.
A partir de fevereiro de 1997, voltei a freqüentar outra casa e nesta, as mensagens tornaram a vir quase todas as semanas em que lá estive.
A partir de março de 2001 , comecei a aprofundar os estudos sobre filosofia e espiritismo e interrompi, novamente, a freqüência em casas espíritas e não mais psicografei, embora muitos escritos posteriores a essa data podem ter tido influências de outros planos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Esperamos seu carinho em nosso Livro de Visitas